a ferro, fogo e alma…

Ar (da Guarda)

A menina chama-se Ar (da Guarda) e foi a minha contribuição para uma exposição colectiva sobre este tema, na Câmara Municipal da Guarda. Numa mão, o moinho roda devagar e na outra, há uma luz que cintila.

Os comentários estão fechados.